Em Araripina, mulher é morta pelo genro após intervir na briga do casal

Mulher em Moraes Araripina 2Uma mulher de pré-nome Sanda, 33 anos morreu, neste domingo, dia 19, após ser atingida com golpes de faca pelo genro, de 26 anos. Segundo informações da Polícia Militar (PM), a vítima foi tentar defender a filha, de 15 anos, que estava sendo agredida pelo companheiro, quando ao intervir na discussão, foi esfaqueada, vindo a falecer no local, dentro de casa, na frente de uma criança de 1 ano. O crime ocorreu no distrito de Moraes, em Araripina. Até o momento o suspeito não foi preso.

A jovem de 15 anos contou aos policiais da 2ª Companhia Independente da Polícia Militar (2ª CIPM) que estava sendo espancada pelo companheiro, quando a mãe foi até o local e tentou intervir para defender a filha. O homem que estava armado com uma faca do tipo peixeira, atingiu a mulher com um golpe no pescoço e outro no tórax.

Mulher em Moraes Araripina

A vítima mãe de 4 filhos e já com um neto de apenas 1 ano, não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. O homem fugiu. A polícia realizou buscas na região, mas até o momento não conseguiu localizar o suspeito.

Ainda segundo informações extra-oficiais, o homem só não matou os filhos, porque fugiram do local.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM
VISITE O SITE
VISITE O SITE