AGENTES DE SAÚDE E DE COMBATE ÀS ENDEMIAS COMEMORAM APROVAÇÃO DO PISO NACIONAL

A aprovação da proposta de emenda constitucional – PEC 09/22 é uma vitória histórica de servidores e servidoras públicos municipais de Petrolina e do Brasil. A PEC 09/22 versa sobre o piso salarial, insalubridade e aposentadoria especial dos Agentes de Saúde e Agentes de Endemias e foi aprovado no Senado Federal por unanimidade. Foram 71 votos a zero no primeiro turno, e por 74 votos no segundo turno.

É uma grande vitória dos agentes de combate às endemias e agentes comunitários de saúde do Brasil. Além do piso nacional, a lei traz a aposentadoria especial e o plano de cargos e carreiras para as categorias. Nossa presença em Brasília fez a diferença porque unimos forças, isso graças a mobilização do Sindsemp,” frisou o presidente da Associação dos Agentes de Combate às Endemias de Petrolina, Marcelo Sandes.

Essa vitória da nossa categoria foi árdua e de uma UNIÃO gigantesca de ACS’s e ACE’s se juntando numa só força, vindo ao Distrito Federal participar ativamente das atividades, numa representação de 400 mil profissionais de todo país.

Os recursos para o pagamento do piso nacional já provisionados antes mesmo do PEC ser aprovada e serão repassados pela União em valor integral aos municípios.

Do Sindsemp, além do delegado da saúde Marcelo Sandes, também participam da mobilização em Brasília, a diretora de política sindical do Sindsemp, Ruth Viviane Novaes, a 1ª secretária Luciedna Batista e as integrantes do Conselho fiscal, Dilma Alves e Luana Batista, e outros representantes das categorias.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/WALDINEY PASSOS

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

PERNAMBUCO RECEBE 52,9 DOSES DA VACINA JANSSEN

Pernambuco recebeu, nesta quinta-feira, 5 de maio, nova remessa do imunizante da Janssen. O montante com 52.900 doses contra a Covid-19, divididos em 12 volumes, foi enviado à sede do Programa Nacional de Imunizações (PNI-PE) e posteriormente encaminhado aos municípios do Estado.

Seguindo a recomendação do Comitê Técnico Estadual para Acompanhamento da Vacinação, estas vacinas serão utilizadas como dose de reforço – tanto primeira como segunda – na população com mais de 18 anos, seja para quem tomou a dose única do imunizante, como para quem tomou as duas doses de outros fabricantes.

É importante avançar cada vez mais na vacinação contra a Covid-19. Precisamos que a população procure os postos de saúde para receber a primeira dose de reforço no grupo composto por pessoas de 18 a 59 anos e segunda dose de reforço para os idosos acima de 60 anos. Reiteramos que mesmo após o esquema vacinal completo se faz necessário o recebimento desta dose para que o corpo possa continuar criando resposta imunológica ao vírus de maneira mais efetiva, especialmente nos grupos mais vulneráveis, como os idosos“, destaca a superintendente de Imunizações do Estado, Ana Catarina de Melo.

Do início da campanha, em 18 de janeiro de 2021, até o momento, Pernambuco já recebeu 22.444.623 doses de vacinas contra a Covid-19. Desse total, foram 5.871.670 da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz; 4.287.253 da CoronaVac/Butantan; 8.763.300 da Pfizer/BioNTech; 893.500 doses da vacina pediátrica da Pfizer; 947.240 doses da vacina da CoronaVac/Butantan para as crianças; e 1.681.660 da Janssen.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/CARLOS BRITTO

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

QUARTA DOSE DE VACINA CONTRA COVID É LIBERADA PARA PESSOAS A PARTIR DE 60 ANOS EM PE

O governo de Pernambuco autorizou, nesta segunda-feira, 25 de abril, a aplicação da 4ª dose da vacina contra Covid-19 em pessoas a partir de 60 anos. No Recife, o agendamento pela internet já está liberado e a nova fase da campanha começa na terça-feira dia 26.

Com o anúncio feito nesta segunda, Pernambuco amplia o público elegível que pode tomar a 4ª dose contra Covid, também chamada de segunda dose de reforço. Em 25 de março, foi autorizada a aplicação desse reforço em pessoas a partir de 65 anos.

No estado, o público estimado para tomar a quarta dose da vacina é de 1,2 milhão de pessoas. Até esta segunda, a cobertura vacinal nessa etapa da campanha estava em 18% do público elegível.

Isso equivale a 80,6% da cobertura vacinal nessa faixa etária. Quando se considera a população com mais de 18 anos, o percentual de cobertura se aproxima de 50%.

No Recife, a 4ª dose será aplicada no público elegível que recebeu o primeiro reforço contra a Covid há, pelo menos, quatro meses.

Na capital, 44.265 pessoas entre 60 e 64 anos podem participar dessa etapa da imunização. Para tomar a dose, as pessoas precisam realizar agendamento pelo Conecta Recife.

No dia escolhido para a vacinação, é preciso apresentar documento de identificação, além de um comprovante de que já completou o ciclo vacinal, para agilizar o atendimento.

São aceitos tanto o cartão de vacinação como o Certificado Digital de Vacinação, disponível no Conecta Recife.

A 4ª dose pode ser aplicada com os imunizantes da Janssen, Astrazeneca e Pfizer, independentemente da vacina recebida nas doses anteriores.

No Recife, desde dezembro de 2021, os imunossuprimidos são vacinados com a 4ª dose. Desde março deste ano, as pessoas a partir de 65 anos também são beneficiadas.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/G1 PETROLINA

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

LOSARTANA: FARMACÊUTICA SANOFI MEDLEY RECOLHE MEDICAMENTO DO MERCADO

A farmacêutica Sanofi Medley anunciou o recolhimento de três formulações de medicamentos com o princípio ativo losartana do mercado. A ação foi determinada após serem encontradas impurezas nos comprimidos que podem causar mutações e aumentar o risco de câncer.

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), desde 2018 há um alerta global para monitoramento de um tipo específico de impureza nos medicamentos contra a hipertensão arterial (leia mais abaixo).

O recolhimento voluntário feito pela Sanofi Medley afeta todos os lotes dos seguintes remédios:

  • losartana potássica 50 mg e 100 mg
  • losartana potássica + hidroclorotiazida 50 mg + 12,5 mg
  • losartana potássica + hidroclorotiazida 100 mg + 25 mg

A losartana é usada para tratar pressão alta e insuficiência cardíaca. Já a versão hidroclorotiazida tem efeito diurético, também usada como complemento no mesmo tratamento.

Em nota, a Sanofi disse que o recolhimento é uma medida preventiva e que a medida não ocorreu apenas no Brasil.

“Até o momento, não existem dados para sugerir que o produto que contém a impureza causou uma mudança na frequência ou natureza dos eventos adversos relacionados a cânceres, anomalias congênitas ou distúrbios de fertilidade. Assim, não há risco imediato em relação ao uso dessas medicações contendo losartana”, diz o comunicado.

A farmacêutica também lembrou que a “interrupção abrupta do tratamento” com losartana tem riscos.

“O risco para a saúde de descontinuar abruptamente estes medicamentos sem consultar os seus médicos ou sem um tratamento alternativo é maior do que o risco potencial apresentado pela impureza em níveis baixos”, afirmou a empresa.

Posicionamento da Anvisa sobre o medicamento

Em nota divulgada na quarta-feira, 9 de março, a Anvisa afirmou que está adotando uma série de medidas após a detecção de impurezas nos princípios ativos conhecidos como “sartanas”, como a losartana e a valsartana, utilizados na fabricação de medicamentos para o tratamento de hipertensão arterial (pressão alta).

“As nitrosaminas são compostos comumente encontrados na água, em alimentos defumados e grelhados, laticínios e vegetais. Sabe-se que a exposição a esses compostos dentro de limites seguros representa baixo risco de agravos à saúde. No entanto, acima de níveis aceitáveis e por longo período, a exposição às nitrosaminas pode aumentar o risco da ocorrência de câncer”, explicou a Anvisa.

Desde 2020 a Anvisa mantém um programa de monitoramento de nitrosaminas e o recolhimento voluntário de produtos é previsto para atender normas previstas em uma resolução sobre o tema. “Os recolhimentos, voluntários ou não, se referem sempre a lotes específicos de medicamentos”, afirmou a agência.

Em 2019 e 2021, já houve recolhimento voluntário de lotes de losartana fabricados por outras farmacêuticas e também recolhimento por determinação da Anvisa.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/G1

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

COM SEGUNDA MENOR TAXA DE MORTALIDADE POR COVID-19 DO BRASIL, PERNAMBUCO AVANÇA NO PLANO DE CONVIVÊNCIA

De acordo com dados da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas/OMS), colhidos até o último dia 24 de fevereiro, Pernambuco detém a segunda menor taxa de mortalidade entre os Estados brasileiros neste início de 2022. A taxa, de 6,1 mortes por Covid-19 a cada 100 mil habitantes, é 55% menor que a média brasileira (13,5), e fica atrás apenas do Maranhão, que tem média de 5,3. Em 2021, Pernambuco também registrou a segunda menor taxa de mortalidade do País, registrando 112,9 óbitos por 100 mil habitantes. No acumulado entre 2020 e 2022, segundo levantamento do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Pernambuco está entre as cinco menores taxas de mortalidade por Covid-19 do País.

Foi a melhora nos indicadores epidemiológicos e hospitalares – detalhados em coletiva de imprensa do Governo de Pernambuco, na tarde desta quarta-feira (02.03) – que possibilitou o avanço no Plano de Convivência com a Covid-19, anunciado na última terça-feira (01.03). “Esse resultado, que significa vidas salvas, só foi possível graças ao intenso trabalho para avançar com a vacinação, que vem contando com a colaboração da maioria da população pernambucana, e também aos esforços do Governo do Estado, que mobilizou um volume nunca antes visto de recursos humanos na saúde e montou uma das maiores redes para Covid do País”, ressaltou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

No detalhamento do cenário epidemiológico, o secretário afirmou que o fechamento da 8ª Semana Epidemiológica, encerrada no último domingo (27.02), consolida a redução de todos os indicadores da Covid-19 em Pernambuco. A positividade geral das amostras analisadas no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-PE), que oscilou entre 52% e 47% entre a última semana de janeiro e a primeira de fevereiro, está atualmente em 9,5%.

O secretário estadual de Planejamento e Gestão, Alexandre Rebelo, destacou que os indicadores da saúde mostram que as medidas restritivas empregadas foram decisivas para o resultado positivo. “A vacinação, os reforços no sistema de saúde e as medidas de cuidado adotadas conseguiram trazer uma boa situação para o nosso Estado”, afirmou. “Gostaria de fazer um agradecimento à população e ao setor privado pelo comportamento neste carnaval. Vimos algumas irregularidades pontuais, mas no geral houve respeito às regras previstas. Isso foi determinante para que pudéssemos avançar e nos dá capacidade de continuar diminuindo os números da doença”, disse o secretário estadual de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes.

VACINAÇÃO – O avanço na vacinação contra a Covid-19 no Estado também foi destaque na coletiva de imprensa. André Longo enfatizou as duas principais frentes que atuam nas estratégias de imunização: a proteção das crianças de 5 a 11 anos e a cobertura da dose de reforço nos adultos. “Para continuarmos colhendo resultados positivos nessa luta contra a doença, e também para continuarmos avançando no relaxamento das medidas de contenção do vírus, o caminho é ampliar ainda mais a vacinação”, destacou.

INFLUENZA – Atento ao período de sazonalidade das doenças respiratórias, André Longo informou ainda que o Governo de Pernambuco vai solicitar ao Ministério da Saúde o envio imediato de vacinas contra a Influenza produzidas pelo Instituto Butantan. Um primeiro lote foi entregue ao Programa Nacional de Imunizações na última sexta-feira (25.02), e um segundo lote, na segunda-feira (28.02), totalizando cerca de sete milhões de doses. Porém, até o momento nada foi encaminhado aos Estados. “É fundamental que essas primeiras doses sejam distribuídas imediatamente, em especial aos Estados que têm a sazonalidade agora em março, como é o caso de Pernambuco”, enfatizou Longo.

Confira aqui os números da Covid -19 em Pernambuco

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/SES-PE

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

APÓS CARNAVAL, GOVERNO DE PERNAMBUCO FLEXIBILIZA PLANO DE CONVIVÊNCIA COM A COVID-19

O Gabinete de Enfrentamento à Covid-19 definiu novas flexibilizações no Plano de Convivência com a Covid-19, que entram em vigor a partir desta quarta-feira (02.03). Fica autorizada a realização de eventos sociais com 1,5 mil pessoas ou 70% da capacidade em ambientes fechados, e de até três mil pessoas ou 70% da capacidade em locais abertos. Segue obrigatória a apresentação do passaporte vacinal e de teste negativo a partir de 500 pessoas. As mudanças são válidas até o dia 15 de março.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, André Longo, a adoção das novas medidas foi possível por conta da queda nos indicadores da Covid-19 em Pernambuco. “As progressões não significam que a pandemia acabou. Se quisermos vencer o vírus, precisamos manter o cuidado e, principalmente, avançar na vacinação. É fundamental o compromisso de cada um. As vacinas, além de seguras, são nossas principais aliadas na proteção da vida”, reforçou.

No caso de eventos corporativos e presença de torcidas nos estádios, o limite é de até três mil pessoas ou 70% da capacidade. As competições esportivas em geral podem ocorrer com público de 1,5 mil pessoas em ambientes fechados e três mil em locais abertos, ou 70% da capacidade, o que for menor. As exigências de comprovação de vacina e teste negativo são as mesmas dos eventos sociais.

Nos serviços de alimentação, a capacidade máxima é de 80% e é obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação. Os cinemas, teatros, circos e museus podem receber até 1,5 mil pessoas ou 70% da capacidade. Nesse caso, além do passaporte vacinal, a partir de 500 pessoas os ingressos devem ser destinados apenas a quem apresentar teste negativo.

DADOS DA SAÚDE – Em relação aos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), a Semana Epidemiológica (SE) 8, encerrada no último sábado (26.02), apresentou uma redução de 25% em comparação com a semana 7 e queda de 46% em relação a SE 6, ficando no mesmo patamar do início de outubro de 2021 (SE 40).

No que se refere às solicitações de leitos de UTI, a Central Estadual de Regulação Hospitalar registrou 304 pedidos na semana 8, o que representa uma queda de 50% e 29% em comparação com as semanas 6 e 7, respectivamente. Atualmente, a taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva na rede pública está em 58%, menor patamar deste ano.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/ PERNAMBUCO EM PAUTA/Foto: Divulgação/Governo de Pernambuco

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

COVID-19 – VARIANTE ÔMICRON DESACELERA EM PERNAMBUCO

Pernambuco registrou, no final da sexta semana epidemiológica de 2022, que compreende o período entre os dias 06 e 12 de fevereiro, uma desaceleração da variante Ômicron, com queda no registro de casos. O secretário André Longo reforçou, durante a coletiva de imprensa, que os indicadores, no entanto, continuam em patamares elevados. Foram 829 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) na última semana, o que significa 60 casos a menos em relação à semana anterior. Já a positividade para a Covid-19 entre estes casos graves está em 44%, enquanto na semana anterior estava em 54%.

Em relação à solicitação por leitos, a Central Estadual de Regulação Hospitalar, registrou, na semana passada, 629 solicitações por leitos de UTI – 39 a menos do que na semana anterior, o que representa uma redução de 6%. “Estes dados apontam que passamos pelo pico desta onda da Ômicron e chegamos ao platô, mas, como falei antes, com indicadores ainda em patamares elevados. Para se ter uma ideia, neste momento, ainda temos mais de 800 pessoas internadas nos leitos de UTI da rede pública de saúde. Além disso, as mortes pela doença, que costumam atingir o teto 2 semanas após o pico de contaminação, seguem crescendo”, apontou o secretário.

Longo também alertou para a chegada do período de sazonalidade das doenças respiratórias, o que deve impactar no cenário epidemiológico. “Temos uma preocupação adicional com o início do nosso período de sazonalidade das doenças respiratórias, no começo de março, e a possível introdução e circulação da nova subvariante da Ômicron, a BA.2, que traz ainda mais incertezas. Por isso, não podemos baixar a guarda. É preciso muita cautela por parte de todos. A população deve fazer sua parte, cumprindo os atuais protocolos, evitando aglomerações, e se vacinando contra a Covid-19”.

INFLUENZA –

Continue lendo “COVID-19 – VARIANTE ÔMICRON DESACELERA EM PERNAMBUCO”

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

CONFIRA OS NÚMEROS DA COVID-19 ATUALIZADOS E A EVOLUÇÃO DA VACINAÇÃO EM OURICURI

De acordo com repasse da Secretaria Municipal de Saúde de Ouricuri, que tem afrente a secretária Gardielle Andrade, a 3ª semana registrou uma redução de quase 24% com relação a 2ª semana epidemiológica.

Nas últimas 24 horas, dos 41 testes realizados pelo município, 13 casos foram confirmados.

Segundo a secretaria, das 114.306 doses disponibilizadas para Ouricuri, 105.666 foram aplicadas até o último dia 31 de janeiro. Confira o quadro:

Sobre a vacinação infantil, em Ouricuri existem no público-alvo (05 a 11 anos), 10.600 crianças e até essa data, (31/01) chegaram a Ouricuri 2.450 doses e foram aplicadas e 1.660 crianças já foram imunizadas.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/SMS OURICURI

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

DEPUTADO ANTONIO FERNANDO E AUGUSTO COUTINHO VISITAM HOSPITAL REGIONAL DE OURICURI PARA ACOMPANHAR APLICAÇÃO DE EMENDAS PARLAMENTARES

No dia em que se comemora o padroeiro de Ouricuri, São Sebastião, dia 20 de janeiro, o Hospital Regional Fernando Bezerra (HRFB) recebeu a visita dos deputados Augusto Coutinho, federal, e Antonio Fernando, estadual, que foram conhecer as instalações e verificar a aplicação das emendas parlamentares enviadas para o hospital.

Acompanhados pela irmã Fatima Alencar, que reforçou a necessidade de novas emendas, eles visitaram as obras de ampliação dos leitos de atendimento que são urgentes devido à crescente demanda de atendimento na região uma vez que os onze municípios do Araripe utilizam os serviços.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/ASCOM

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

VACINAÇÃO VOLTA A NORMALIDADE NESTA QUARTA EM OURICURI, DIZ PNI

De acordo com informações repassadas pelo PNI – Programa Nacional de Imunização Municipal de Ouricuri, por meio do coordenador PAULO LIBÉRIO BÓRGES DE CARVALHO, repassados à nossa redação, a vacinação terá início nesta quarta-feira, 19 de janeiro com os grupos de crianças que possuem doenças neurológicas, síndrome de down e autismo.

Nesta terça-feira, houve uma reunião com os técnicos de enfermagem sobre esse novo grupo de vacinação que são as crianças de 5 a 11 anos.

Com chegada de mais vacinas iremos avançar para as crianças com comorbidades e depois seguiremos para avançando para vacinar as crianças sem comorbidades seguindo a faixa etária decrescente, a partir dos 11 anos de idade até chegar as crianças de 5 anos” disse o coordenador.

Sobre a vacinação de adultos, especialmente as doses de reforço, o coordenador assegurou que os postos do municípios estarão abastecidos a partir dessa quarta-feira (19).

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

MINISTRO DA SAÚDE DIZ QUE CRIANÇAS SERÃO IMUNIZADAS CONTRA A COVID-19 COM PRESCRIÇÃO MÉDICA E GOVERNO DE PE DIZ QUE NÃO VAI EXIGIR

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou, na noite desta quinta-feira, dia 23 de dezembro, que a pasta irá autorizar a vacinação contra a Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos, mas com prescrição médica e um “termo de consentimento livre esclarecido”.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou, em 16 de dezembro, o uso do imunizante da Pfizer em crianças da faixa etária no Brasil.

Pernambuco não vai exigir prescrição médica para vacinar crianças entre 5 e 11 anos contra a Covid-19, ao contrário do que o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse que vai recomendar. A informação foi divulgada em pronunciamento nesta sexta-feira, dia 24, pelo governador Paulo Câmara (PSB).

No dia 16 de dezembro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisaautorizou a aplicação da vacina da Pfizer contra Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos. A Anvisa é o órgão de estado responsável pela palavra final em relação à liberação de vacinas.

“A vacina é segura, foi aprovada pela Anvisa e vai proteger nossos pequenos. É simplesmente inacreditável que, um ano depois, o Governo Federal tente pela segunda vez desacreditar a vacinação. Para eles, mais de 600 mil vidas perdidas ainda não foi suficiente”, afirmou Paulo Câmara.

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

SANTA CRUZ INVESTE EM EQUIPAMENTO COM PLATAFORMA DE INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL PARA AUXILIAR NA DETECÇÃO PRECOCE DO CÂNCER DE MAMA

Santa Cruz é a primeira cidade da rede pública no Araripe a adquirir um aparelho e uma plataforma para detecção precoce de lesões na mama, por meio de inteligência artificial e utilizando imagens térmicas.

O projeto iniciou nesta quinta-feira, 11 de novembro, e seguirá em teste com a equipe de saúde das Unidades do município, para utilização do equipamento.

O método é indolor, sem radiação ou contato físico, e tem a capacidade de ajudar médicos a identificarem lesões na mama, fortalecendo a capacidade de diagnóstico. O exame é simples, dura poucos minutos e a imagem vai imediatamente ao médico para avaliação.

“Nossa intenção é aumentar ainda mais, e de forma cada vez mais precoce, o acesso das mulheres a exames que auxiliem na detecção de lesões na mama”. Destacou a prefeita Eliane Soares.

“Vamos usar a tecnologia para diagnósticos cada vez mais precoces. O Linda vem para somar, mas não substitui a mamografia e a ultrassonografia, que são fundamentais para fechar o diagnóstico sobre a doença. Um dos grandes benefícios é utilizar essa ferramenta para identificar lesões com menos de um centímetro, que ainda são impalpáveis. Além disso, sabemos que todo tumor apresenta hipervascularização, diferença de temperatura e, portanto, pode ser identificado pelo Linda”, afirmou a Secretária de saúde Ryvalda Macedo.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/ASCOM SANTA CRUZ – PE

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

HEMOCENTRO OURICURI PROMOVE PASSEIO CICLÍSTICO “PEDAL TÁ NO SANGUE”

Com o tema “Pedal tá no Sangue”, o Hemocentro Ouricuri (HEMOPE) vai realizar, nesta quinta-feira, 04 de novembro, um passeio ciclístico pelas principais ruas e avenidas do município, que dará início às comemorações do Dia Nacional do Doador de Sangue, celebrado no dia 25 deste mês.

O evento é aberto ao público e tem o intuito de incentivar a doação de sangue e a prática esportiva. A concentração ocorrerá a partir das 16 horas, na sede do Hemocentro Ouricuri, na Rua Ulisses Guimarães, sem número, no Centro da cidade. O encerramento do passeio ciclístico será na Praça Frei Damião.

O Pedal tá no Sangue é uma realização do Hemocentro Ouricuri, tem o patrocínio de Ourinet Telecom, EV Frutas e Verduras, vereadora Delvânia Sobral e de Karol Barros, ainda conta com a colaboração de Maria Bonita Utilidades, Castelo Calçados, Lizbela Store, Marluce Dantas Enfermeira, Luana Rezende Nutricionista, KS Moda Fitness, Amora Store, LV Tecidos, vereadora Wiliane, vereador Rogério da Aldeia, vereador Pedro Augusto, Floricultura Flor Encanto, Funerária PAF Vida, Jaleco da Vivi, Kerliane Modas, Dilamara Doce Vício, Cravo e Canela, Nery’s doces e salgados, Jaqueline Festas, Supera Saúde Trindade e Daniel Tavares.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/HEMCENTRO OURICURI

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

MULHER MÃE DE 5 FILHOS COM CÂNCER PEDE AJUDA PARA SOBREVIVER

Uma mulher de nome IZABEL COSTA, 36 anos, mãe de 5 filhos com familiares em Ouricuri pede ajuda para continuar vivendo. Os contatos pode ser feitos ainda  através de FRANCISCA REGINA, funcionária da Policlínica de Ouricuri pelo telefone o WhatsApp 87 9 9801.3482.

Ela teve a doença diagnosticada em 2018 no colo do útero, devido a falta de recursos financeiros, adiou o início do tratamento e agora a situação se agravou e se espalhou por outros órgãos do corpo.

IZABEL estava internada no hospital São Marcos em Teresina PI, onde recebeu alta médica para se tratar em casa, contudo continua a realizar as sessões de quimioterapia e radioterapia, retirar líquido da barriga, dentre outros procedimentos médicos e tudo isso requer recurso financeiro.

A família não tem condição financeira para arcar com essas despesas de procedimentos e medicamentos e pede sua ajuda, seja qual for a quantia pelo PIX – 030132924 90.

Sua AJUDA é muito importante e pode SALVAR ESSA VIDA!

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM

POR DECRETO, PAULO CÂMARA EXIGE QUE FREQUENTADORES DE CULTOS E MISSAS TENHAM VACINAS COMPLETAS OU TESTE NEGATIVO DE COVID-19

O governador Paulo Câmara (PSB) mandou circular uma edição extra do Diário Oficial com novas regras de convivência da covid-19.

Dentre as novas regras, a que mais se destaca é a exigência de vacinação completa ou teste negativo de covid-19 para as pessoas frequentarem missas ou cultos religiosos.

O comprovante de imunização ou testagem só será exigido em templos com mais de 300 pessoas.

O limite máximo permitido até 26 de setembro era de 300 pessoas nos templos.

Nessa nova fase, para ir além desse público, ou seja, naqueles locais onde existe capacidade acima de 300 pessoas, está sendo exigida a imunização completa. Caso a igreja opte em ficar com público abaixo de 300, não será necessária a apresentação de comprovante de imunização.

A exigência ainda será regulamentada em portaria de André Longo, secretário estadual de Saúde, e Geraldo Júlio (PSB), secretário de Desenvolvimento Econômico, mas já foi autorizada a cobrança pelo governador.

Segundo o decreto, os dois secretários vão disciplinar “a exigência da apresentação dos comprovantes do esquema vacinal completo e/ou dos resultados negativos dos testes para a Covid 19”.

Ou seja, aparentemente, segundo o texto, uma dose não basta para o fiel frequentar a igreja.

Da redação dos BLOGS DO JOSUÉ OLIVEIRA E RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/BLOG DO EDY/FONTE: BLOG DO JAMILDO

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM