CORPO DE BOMBEIROS CONFIRMA 10 MORTOS APÓS QUEDA DE PAREDÃO EM CAPITÓLIO MG E 08 CORPOS IDENTIFICADOS

A Polícia Civil de Minas (PCMG) identificou, até a manhã desta segunda-feira dia 10, oito vítimas do desabamento de parte de um cânion no Lago de Furnas, em Capitólio (MG), no último sábado. Ao todo, foram dez mortes; todos estavam na lancha Jesus.

A Polícia Civil de Minas Gerais identificou na madrugada desta segunda-feira, 10 de janeiro, mais três vítimas do desabamento de um cânion em Capitólio, que causou a morte de 10 pessoas. Segundo a corporação, os identificados são: Geovany Teixeira da Silva, de 37 anos; Geovany Gabriel Oliveira da Silva, 14 anos e Thiago Teixeira da Silva Nascimento, 35 anos.

Além deles, outras cinco pessoas já haviam sido identificadas: Júlio Borges Antunes, de 68 anos; Camila Silva Machado, de 18 anos; Maycon Douglas de Osti, de 24 anos; Sebastião Teixeira da Silva, de 64 anos, e a esposa, Marlene Augusta Teixeira da Silva, de 57 anos.

Duas pessoas seguem sem identificação. De acordo com a polícia, os dez mortos estavam na lancha “Jesus”, se conheciam e estavam hospedados em uma pousada em São José da Barra. O delegado regional da Polícia Civil, Marcos Pimenta, as vítimas eram de São Paulo e Minas Gerais e se conheciam. O desabamento do cânion em Capitólio aconteceu na tarde do sábado, dia 08 de janeiro. A primeira vítima identificada foi identificada do domingo.

De acordo com a Polícia Civil, as vítimas foram identificadas por meio da papiloscopia, que é análise das digitais.

Os corpos e segmentos corpóreos encontrados na região do acidente estão sendo levados ao Posto de Perícia Integrado (PPI), em Passos. Outras duas vítimas estão em processo de identificação.

Da redação do BLOG RADAR DE NOTÍCIAS – EMANOEL CORDEIRO/ITATIAIA.COM (MG)/ JOVEMPAN/IMAGEM G1 MINAS

VISITE O INSTAGRAM
VISITE O INSTAGRAM